Home
Para Ana . . .
O Dogue Merle
Como Escolher um Filhote
Padrão da Raça FCI/CBKC
Videos Educacionais AKC
Segredos do Pedigree
Maxim
Fritz
Oliver
Upponny in Doggerrland
Gemini
O Romance: Fritz&Maxim
Filhotes da Maxim
Filhos de Maxim
Filhotes Disponíveis
Filhotes Internacionais
Características
Temperamento
Para Quem é o Dogue?
Do que é que eles gostam...
Dogues Aprendem a Amar
Orelhas do Dogue Alemão
As Cores do Dogue Alemão
O Dogue Plaqueado
The Piebald Dane
Linhagens do Dogue Preto
Salve o Merle
O Merle na Reprodução
O que os Merles têm a dizer...
Regra Acasalamento GDCA
Regra Acasalamento CBKC
Displasia Coxofemoral
Cuidando & Educando
Cama, Mesa & Acessórios
Links
Links: Videos Legais
Contato
 


 "O justo cuida bem dos seus animais, mas até os atos mais bondosos dos ímpios são cruéis. "

                                                         Provérbios 12:10






Olá! Tudo bem? Fico contente pelo seu interesse e amor que tem pelos cães, realmente não há amigo melhor, mais sincero e fiel do que eles.

Infelizmente,  todos  os  dias  tomamos  conhecimento  de  centenas de  cães  abandonados  ou sofrendo  maus  tratos  e  os  cães  de  raça  também  estão  crescendo  nas  estatísticas. 

As pessoas estão cada vez mais desobrigadas de responsabilidades, cada  qual visando apenas seus interesses  mais  imediatos.  Assim que o animal de estimação perde a atração inicial  ou se  interpõe  em  uma  mudança de estilo de vida, é sumariamente  descartado  como  se   fosse  uma planta  'que perdeu a graça'  ou   um   móvel  velho  que  não  tem  mais  serventia ...

Cães de porte grande são muito mais difíceis de serem encaminhados  para  novos lares,  quanto maior o cão, maior a dificuldade. Também para aqueles que querem  mudar-se  para  apartamento ou viajar nas férias.... é muito mais fácil colocar um Pinscher na traseira do carro  e  levá-lo  junto nas férias ou deixá-lo com um amigo ou parente do que um cão como o Dogue Alemão.

Tudo  isso  deve  ser  levado  seriamente  em consideração  quando  estamos nos  decidindo  em adquirir  um cão deste porte.  A  decisão  deve  ser  levada tão seriamente quanto decidir-se  por aumentar a família,  planejando o nascimento de mais um filho. Filhos, assim como os  animais de estimação,  são uma  aquisição  para o resto de nossas vidas. No momento em que tomamos esta decisão  e  ao  recebê-los  em  nossa família,  não há mais como voltar atrás.  Somos  os únicos e legítimos  responsáveis  pelas  suas vidas.   E,  tenho  ainda   uma  convicção:   haverá o dia  em que todos  haveremos de  prestar contas  diante  do  nosso  Criador  sobre  os  animais que  nos foram confiados.

Assim como  não  se  pode  antever  como  serão  nossos  filhos  no  futuro  e  as  dificuldades e problemas que  eles  possam  vir a  ter  ou  mesmo, vir a ser,  também  não  podemos  antever  os problemas  e dificuldades que  poderemos  enfrentar  ao  assumimos  a  responsabilidade  de  um animal de estimação.  Mas  o  que  precisamos  saber  e  ter  bem firme em nosso propósito antes de tomar a decisão

'haja  o  que  houver,  eu vou cuidar de você enquanto viver e vou fazer  o melhor para que você tenha uma vida longa, digna e feliz!'

Lembre-se, assim como os bebês,  o cão  não escolheu  a  família  a  qual  irá pertencer,  foi  você quem o escolheu.  Então,  precisamos  assumir  o compromisso e a  responsabilidade  de  nossas escolhas.

Se  for  com  esta  consciência  e  propósito  que  nos  decidimos por um animal de estimação, em particular por um cão das  raças grandes como  o  Dogue Alemão,  então  estaremos  tomando  a decisão acertada. Eles são cães maravilhosos e têm muito a nos oferecer, mas nós temos que ser responsáveis por eles, cuidar deles, especialmente quando ficam doentes  e na sua velhice,  pois assim como todos nós, eles também ficarão velhinhos e morrerão....

Como é triste ver o que muitas  vezes  acontece  com  seres  humanos  velhinhos,  quando  estes mais precisam de suas famílias....  da mesma forma, seu animal de estimação também contará com o  apoio  da  família  que  o  acolheu, até o dia de dizer  “adeus”.  

Em  se  tratando  de  animais  de estimação, encontramos situações ainda mais  tristes.  Por  mero comodismo e falta de amor,  há pessoas que  optam  simplesmente  pela eutanásia, quando ainda  há boas perspectivas de vida, desde que  lhe seja dado o devido cuidado e atenção.

Sem  nós,  seres humanos,   os  animais de  estimação  -   acostumados a viverem completamente dependentes de nós  -   estão  totalmente vulneráveis  e  sem  nenhuma chance de escolhas nem de sobrevivência.

Com  relação  a  procriar  este cão que foi adquirido,  é altamente recomendável que se procure o criador  de  onde veio  o  cão para estudarem  juntos todos os prós e contras,  antes  de se  fazer qualquer projeto de reprodução.  Lembre-se,  reproduzir  cães desta raça e , especialmente, deste porte, exige  muito  conhecimento e experiência. O  pedigree, por si só,  por melhor que seja,  não significa  nada  em matéria de programas de reprodução responsável.  É apenas um aspecto a ser levado em consideração.  Qualquer  criador  responsável  e  experiente  lhe dirá  isto. 

Bem,  prezados  leitores,  me desculpem o longo discurso,  mas  acho  que  é  obrigação  de  todo criador   sério   que  se   preze   e  que   preza   pelos   animais   que   cria,   advertir   àqueles   que potencialmente  desejam   aumentar   a   família  com   um   animal  de  estimação. 

Nós  estamos sem  filhotes  no  momento. Conforme  está  divulgado no site, a nossa procriação se dá muito esporadicamente e os nossos  futuros filhotes  precisam  ter  um  lar 100%  idôneo  e confiável   antes   mesmo  da  sua  concepção.   Assim,  fazemos  o  cadastramento  de  todos  os interessados  e  colocamos  as  famílias   interessadas  em  nossas  orações,  esperando  que,  no devido tempo, aqueles que ainda estiverem interessados por ocasião do nascimento dos nossos filhotes, sejam as pessoas acertadas e potencialmente aptas para cuidar  e  adotar  um de nossos filhotes como "membro de sua  família".

Evidentemente,  existe  a  possibilidade  de  haver  mais  famílias  potencialmente aptas do  que o número de filhotes disponíveis para  serem encaminhados,  como  também  pode  haver   famílias que preencham estes pré-requisitos acima, mas que têm pressa em adquirir um filhote desta raça.

Em ambos os casos,  procuramos  recomendar  alguns  criadores  que  conhecemos. Agora, caso você deseja  esperar por  um de  nossos filhotes, estamos  planejando a próxima ninhada a partir março de 2013 ( início do próximo ano).  Seja  qual  for  a sua decisão, entre em contato conosco, teremos prazer em ajudá-lo.





Seguem   abaixo  algumas   recomendações  para   todos   aqueles  que  estão  a   procura  de  um filhote. Leia atentamente algumas dicas  importantes  que  destacamos,  temos  certeza que serão muito úteis  na hora de escolher  o "novo membro da família".

Quem não já ouviu o ditado popular: "Nem tudo que reluz é ouro"?

Aqui,  neste contexto,  significa  dizer  que  nem  todo  criador  que  se  diz  o  melhor  é de fato o melhor.

Lembre-se,  um  Dogue Alemão  vive em  média  de 8 a 13 anos, viverá  muito tempo em convívio com sua família, portanto , não tome  nenhuma  decisão precipitada, seja  paciente e criterioso na hora de escolher o  canil  do  qual  virá  seu  filhote!

O  ideal  é que  você conheça  as  instalações  pessoalmente, verifique as condições de vida dos cães, as condições de higiene,  se o local em que vivem é adequado,  o  temperamento  dos  pais do filhote, o estado de saúde deles, especialmente  o  da  mãe  e  o  da  ninhada  como  um  todo.

Verifique  também se  o criador  faz  controle  de  displasia ( leia a este respeito em nossa  página Displasia Coxofemoral) ,  como  é   a  relação dos tratadores e/ou  proprietários  com os  cães,  se estes  se  mostram  arredios, tímidos, agressivos ou apáticos, ou se são cães  alegres,  saudáveis e confiantes.

Tudo isto é muito importante para você não se arrepender depois, pois todo filhotinho sempre é "fofinho",  porém  tem  boas  probabilidades  de  herdar  tanto  as características  físicas  quanto comportamentais de seus  progenitores. 

E,  o  mais  importante,  fique   atento:   ainda    que   estes  cães  pareçam  ter   boa   índole   mas, visivelmente,  não  estão   recebendo  cuidados apropriados,  não seja conivente com  o  tipo  de gente que usa os animais para proveito próprio, seja por ego pessoal, status  ou  meramente  por motivos financeiros,  pois  você  estará  incentivando  e  compactuando  com  a  perpetuação  de uma  situação  egoísta  e  desumana.




Mais  uma  vez, enfatizamos:   Não  compre   um   filhote  onde   as  condições  de   higiene  e  as instalações e condições em que os  pais do  filhote  se  encontram  são  precárias, onde  os  cães aparentam  saúde débil, comportamento agressivo, tímido  ou  arredio  com os donos, tratadores e/ou visitantes.

Não compactue com  gente que vê  em  um  cão uma   mera  mercadoria.  Estes animais  são seres vivos, dotados de muitos sentimentos e de uma inteligência surpreendente.

Abra  bem  os  seus  olhos,  além  do  coração:  Compre de quem AMA!



Finalmente, antes de  tomar  a decisão  final, recomendamos  que você  leia também as seguintes  páginas do nosso site:


Para Quem é o Dogue  - O perfil do proprietário do Dogue Alemão e o que esperar desta raça;

Temperamento  - Características  do  comportamento  e  da   índole  do   Dogue Alemão.

Do que é que eles gostam... Saiba como deixar contente um Dogue Alemão.


Desejamos  a você e  sua   família  uma  escolha  consciente e que  venham adquirir um excelente exemplar  para  ser  um  NOVO  MEMBRO  DA  FAMÍLIA! 

Monica Reifegerste
Maxim´s Dogue Brasil
Florianópolis SC – BRASIL





Com relação aos MERLES   -   esta  variação  de  cor  é muito comum nesta Variedade de Dogues Alemães (Pretos & Arlequins)  são  potencialmente  cães  tão  saudáveis  e  inteligentes  quanto qualquer  outro  irmão da ninhada a que pertence,  porém  são  vendidos  bem  abaixo  do  preço, devido  ao  fato  de  sua  cor  ter   sido   considerada, arbitrariamente,   (sem nenhum fundamento científico justificável)  como  "desqualificante"  no  padrão  oficial  da  raça.


Elvis Quetzalcoatl    
 

 

 
DOGUE  ALEMÃO  MERLE


        
Elvis Quetzalcoatl   


   
Pics Archives Week 269 


        
Great Danes Online


    
www.danesonline.com






Conheça PENELOPE  do canil  norte-americano  Pacific Coast Harlequins,  um  exemplar  MERLE cuja beleza e inteligência,  aliadas à saúde e  longevidade,  rendeu-lhe  muitos títulos  em   pistas de  Agility , além  de  muito  orgulho  e  muitas  alegrias  aos  seus  proprietários.


Danaridge´s Penelope Steele 
 
 
            P E N E L O P E 

 
 

  Penelope nasceu em 19/07/1996

    e  faleceu  em  07/07/2007,

 praticamente aos 11 anos de idade.

 

  Visite a página de Penelope no site

  do Canil Pacific Coast Harlequins

www.pchgreatdanes.com/Penelope.htm

                    Canil Pacific Coast Harlequins


Conheça a história de Penelope em:

www.pchgreatdanes.com/Penelope-TheMagicalMerle-Story&Photos.pdf 

Visualize o Pedigree de Penelope:     http://www.pchgreatdanes.com/penped.htm



Embora estes exemplares  -  MERLES  -  não possam participar de exposições e ganhar títulos em campeonatos, devido a esta desqualificação prevista no padrão oficial da raça, tanto nos  países da  Europa como no  Canadá  e nos  EUA,  são   a m p l a m e n t e   utilizados  em  programas de reprodução, sempre  que  apresentam potencial em quesitos tais como  estrutura, temperamento, movimentação,  inteligência, saúde, etc.



A título de exemplo, conheça o campeão Borée Atos D'Iskandar, o melhor macho da raça Dogue Alemão no Eurodog 2009.     Sua  mãe  é  uma  dogue  MERLE.

Borée Atos D'Iskandar 

 

 

 

 

Borée Atos D'Iskandar

 Veja mais fotos de Borée no site www.iskandardogue.com/page-boree-atos.htm



Veja, abaixo, a mãe do campeão europeu Borée,   Tariqa d'Iskandar :

Tariqa d'Iskandar   

 

 

 

               Tariqa d'Iskandar 

           Mãe do campeão Borée


 

              Pedigree de Tariqa:

www.iskandardogue.com/pedigreetariqa.html

                            Canil Iskandar

Assim  como  dogues  arlequins  podem   produzir  merlesmerles  podem  produzir  arlequins, pretos e mantados. Todas estas variações  de cores  fazem  parte  do  patrimônio genético  desta variedade de Dogue Alemão -  Arlequim& Preto  -  portanto, a  discriminação  em   relação  a  cor merle  ocorre exclusivamente no padrão oficial da raça, por mera convenção.

Deve-se levar em consideração, ainda, que  o Padrão Oficial da Raça,  estabelecido  pelo  DDC  e adotado pela FCI e CBKC,  foi originalmente estabelecido em 1888 e, muito embora tenha sofrido algumas alterações e revisões desde então, as variedades permanecem as mesmas  desde aquela época, bem como a desqualificação  imposta  aos  cães  cuja  cor  de   pelagem  é  conhecida  por MERLE, atentando-se ao  fato  de que  não havia  nem há, até os dias de hoje,  qualquer suporte técnico ou científico para tal arbitrariedade.

Tariqa  produziu  várias   ninhadas,  praticamente  todos   seus    filhos   e   filhas   têm   as  cores estabelecidas e aceitas no padrão oficial, quase todos participam ou participaram  em exposições na  Europa, acumulando muitos títulos e têm sido também  amplamente  utilizados em  programas de reprodução por  muitos  criadores  europeus  renomados.

Infelizmente, no Brasil, verifica-se ainda uma visão muito estreita em relação aos dogues merles, devido a falta de informação e falta de conhecimento.

Conseqüentemente,  a  falta de  senso  crítico  em  relação  ao  padrão oficial  da  raça  ainda  têm levado muitos criadores  a  priorizarem o  critério  "cor"  em  seus  programas de reprodução,  em detrimento  de outros critérios  muito  mais  relevantes  como:  estrutura,  temperamento, saúde e movimentação.



No quesito cor, a  única  recomendação que deve  ser   levada  em  consideração  quando  em  se tratando  de  programas  de  reprodução é a seguinte:  da  mesma  forma  e  pelas mesmas  razões que   não   se  deve  acasalar  arlequins entre si,  (na  Alemanha  está  proibido) ,   também  não  é recomendável  acasalar  merles  entre si.  Tanto os dogues  arlequins  quanto  os   merles  devem ser,  preferencialmente,  acasalados  com  pretos  ou  preto-mantados.  Isto   por  se  tratarem   de cores  da  mesma  Variedade,  no  casoa  variedade Arlequim & Preto.



O clube alemão  DDC , (assim como  a  FCICBKC )  apresenta  cinco  padrões de  cores  iniciais, sendo que estas  foram divididas em  três  VARIEDADES   distintas   e   independentes:


1 - DOURADO   &  TIGRADO    
2 - ARLEQUIM  &  PRETO ---- ( incluídos  PRETO-MANTADO   e   PRETO- PLAQUEADO)      
3 - AZUL   -------------------------- ( incluídos os exemplares   PRETOS  com ascendência  AZUL)


Levando-se em consideração de que há três variedades independentes, estabelecidas no padrão oficial  da raça Dogue Alemão e de que estas três variedades já estão efetivamente consolidadas por   meio   de   processos  de   seleção,   não   é   recomendável    lançar    mão   de   cruzamentos intervariedades,  visto  que  este  expediente   promove   infindáveis   amostragens  de  cores  de pelagem, em prejuízo e detrimento da  raça, tendo  em  vistas  que  descaracteriza  os  padrões de cores  já  estabelecidos  e coloca  em  risco  anos e anos  de  programas de  reprodução  seletiva.


Finalizando esta  questão  sobre os  MERLES, apresentamos abaixo  uma  citação de um  estudo  em genética  sobre este assunto:

“A  principal  cor  cuja  desqualificação  parece   insensata  é a  cor  merle.  Dogues  Merles  são comuns  e   impossíveis  de  erradicar-se  da   raça.  Enquanto   houver   arlequins,   merles  serão inevitáveis.  Pensa-se   que  o gene arlequim seja um gene letal,  sendo assim todos os arlequins homozigotos  são abortados ou  natimortos. Isto significa que todos os arlequins sobreviventes devem ser Hh no locos H e,  assim sendo, heterozigotos  para  arlequins.  Seja qual for a cor que acasalar –se  com arlequim,  será   transmitido  adiante  H  ou  h,  e  M  ou  m..   As  combinações possíveis são  HM,  Hm,  hM  e  hm.  Assumindo-se  que  os  genes  do outro progenitor  sejam  hm, HM  irá  resultar  em  um  arlequim,  Hm  irá  resultar  num  arlequim  portador  de  sólido,  hm resultará num sólido, e hM  resultará num Merle. Sendo assim,  em  cada  acasalamento  há  uma probabilidade de 25%  em  obter-se  um   merle.  Mesmo  acasalando-se  arlequim  com  arlequim obter-se-á   filhotes  merles  (como  também  os   merles  duplicados  e  arlequins  –  os  arlequins duplicados não sobreviverão).  Baseando-se nestas premissas,  parece  ilógico  desqualificar  os merles, especialmente  considerando-se  que  sem  o  gene merle,  o  tão valorizado arlequim  não existiria.  Soma-se  a  tudo  isto o fato de que a cor merle é muito mais antiga do que a arlequim e  deve  ter  existido  na  raça  Dogue  Alemão  por  algum   tempo  antes  que  a  mutação  arlequim ocorresse,  portanto,  a  história  está  firmemente  ao  lado  do  Dogue Alemão  Merle.”   

Fonte: Dog Coat Color Genetic:  Extras, Great Danes , COLOURS AND PATTERNS IN THE GREAT DANE.   http://abnormality.purpleflowers.net/genetics/index.htm






Cães  de  olhos   azuis  vivem   tanto  quanto   qualquer   outro  cão,   não   há  nenhum  estudo comprobatório de que vivam menos, pelo contrário, há registros de cães com esta cor de olhos que tiveram vidas bem longas, considerando-se que o estimado de vida de um Dogue Alemão, nos dias de hoje, é de 10 a 13 anos.

Antigamente,  lia-se que a média de vida  de  um  Dogue Alemão  estava  estimada  em  7-8 anos. Porém, além dos fatores hereditários, o que vai ser decisivo na longevidade do seu  cão é  o tipo de manejo, ou seja, o local, as condições e o tratamento que recebeu ao longo de sua vida.

Em geral, todos os filhotes cuja pelagem é de fundo branco ou cinza (merles) têm olhos azuis ao nascerem. Ao longo dos primeiros 3 meses, a cor azul de seus olhos vai mudando, tornando-se cor de mel até chegar a um castanho claro para castanho escuro.

Apenas alguns poucos mantém os olhos azuis, como é o caso do nosso Oliver. Porém, o Padrão Oficial da Raça prioriza os de olhos escuros, muito embora olhos azuis  não  sejam considerados  um defeito  desqualificante nos arlequins.


Veja o que diz  a este respeito o texto do Padrão Oficial da Raça - CBKC/FCI:

Olhos:  de  tamanho  médio, com  expressão  inteligente  e  amistosa,  de   preferência  escuros, de forma  amendoada, com  pálpebra s bem aderentes.  Nos  dogues azuis,  olhos   ligeiramente mais claros  são  admitidos.   Nos Arlequins,  olhos  claros  ou  de  duas  cores   são  admitidos.


Esperamos ter respondido satisfatoriamente algumas das perguntas mais freqüentes.       Qualquer dúvida, entre em contato conosco!


Atenciosamente,
Monica Reifegerste
Maxim´s Dogue Brasil
Florianópolis - SC BRASIL

E-mail: maximsdoguebrasil@gmail.com  


                                              Página publicada em fevereiro de 2012


                                                           V O L T A R /  B A C K        


 
Top